418-521-0411

Como preparar o quarto do seu bebê



Já dei aqui nos posts anteriores algumas dicas, quando falei do que é preciso para o enxoval do bebê (Acesse os posts aqui) , mas agora quero falar de como organizar tudo isso no quarto. Dá uma conferida!


Sempre precisamos pensar na praticidade do ambiente, sobretudo quando falamos de recém-nascidos.


Se for mãe de primeira viagem, então, nem se fala né? Porque não sabemos muito o que esperar, como nos portar, porque o bebê está chorando, etc.


E se for mãe mais experiente? Também! Porque bebê é sempre bebê e precisa de agilidade e cuidado! Sem contar que um filho é diferente do outro, uma gestação é diferente da outra, mesmo que mãe e pai sejam os mesmos!


Por isso, sempre leve em conta na hora de comprar os móveis, o seguinte:


  1. Planeje as compras. Faça uma lista de tudo o que você acha importante ter no quarto do seu bebê.

  2. Antes de comprar os móveis e equipamentos, verifique o espaço. Meça o quarto e os móveis para calcular se cabe tudo.

  3. Faça uma pesquisa de preços, qualidade, prazos de entrega, condições de pagamento e devolução ou troca.

  4. Pesquise a real utilidade e o que é mais prioritário, casa não haja espaço para tudo o que você quer ou acha que precisa.


Aí você compra tudo e na hora de montar o quarto, monta daquele jeito lindo e maravilhoso, mas que na hora H se mostra pouco eficiente, e agora? Ou melhor, como evitar isso?


Deixe móveis que podem ser escalados longe das janelas.

É como eu sempre digo, a gente acha que vai demorar pra chegar a hora em que os bebês começam a se locomover e não nos precavemos. E aí quando nos damos conta, lá estão eles escalando o berço ou dentro do armário de panelas.


Por isso, já desde a hora de montar o quarto, leve estas possibilidades em consideração. Berços, poltronas, cômodas, prateleiras ou qualquer outro item que possa servir de escada ou trampolim, deve ser mantido longe das janelas.


Coloque telas de proteção nas janelas

Mesmo que tudo esteja longe da janela, coloque tela. As crianças sempre podem empurrar algo pra perto e escalar. Mas lembre-se! Contrate uma empresa especializada e não tente fazer sozinho! Lembre que estamos falando da segurança do seu filho!


Deixe o berço longe de outros móveis que podem ser escalados e proporcionar a queda do bebê

Além do risco das janelas, um bebê pode usar outros móveis como apoio para conseguirem sair do berço. E isso pode gerar quedas, algumas das quais, grave.


Deixe os objetos perigosos longe do alcance do bebê

Às vezes deixamos o trocador com os itens de higiene ali do lado e ao alcance e isso pode ser desastroso!


O mesmo vale para qualquer outra superfície, até mesmo o chão. Bebês levam tudo à boca! Podem engolir e se engasgar, se cortar ou se machucar de outra forma!


Coloque protetores de tomada de difícil remoção

As tomadas chamam muita atenção dos bebês, então, deixe todas as tomadas muito protegidas, com protetores próprios, de preferência aqueles que tem uma travinha para serem removidos.


Não use soluções caseiras como as tampinhas do lenço umedecido, pois elas atraem a atenção do bebê e são facilmente abertas por eles.


Coloque travas nas gavetas e portas de armários

Para evitar que abram as gavetas e que elas caiam sobre os bebês, coloque travas nas gavetas e portas.


Se você opta por dar autonomia e acredita que ele deva ter acesso à tudo, permita que ele faça essas explorações quando tiver algum responsável por perto.


Gavetas desprotegidas podem cair nos bebês e podem servir de escada para subirem na cômoda, o que pode gerar acidentes!


Verifique se os puxadores das gavetas são seguros

Quando eu comprei a cômoda do meu bebê ainda não tinha experiência e comprei uma cômoda com puxadores compridos, na horizontal e que tinham pontas. O resultado foi que, quando ele começou a querer andar caiu e bateu a cabeça nessa ponta (ainda bem que que quebrou o puxador e não a cabeça dele!).


Estou contando esse caso pessoal para ilustrar que algumas coisa podem parecer detalhes sem importância, mas que podem ser decisivos mais para a frente.


Além desta questão das pontas, ainda existem puxadores com partes pequenas, ou que não são bem fixos e que podem ir para a boca do bebê, causando engasgos.


Opte também por móveis com os cantos mais arredondados.



Use abajur com dinner

Para regular a iluminação de acordo com a necessidade e o momento. Às vezes, no meio da noite precisamos trocar o bebê e não queremos acender a luz para não despertá-lo de vez, mas a luz do abajur não é forte suficiente.


Ou então só vamos amamentar e queremos uma iluminação mais suave.


Enfim, um abajur com dinner para que seja possível regular a quantidade de iluminação que queremos pode ser extremamente útil!


Poltrona de amamentação

Se couber, uma poltrona confortável de amamentação pode ser de grande ajuda, com uma superfície de apoio ao lado para a mãe poder colocar água e outros itens de que precisar.


Um puff nos pés também pode trazer muito conforto.


Mas se não houver espaço ou o orçamento for curto, uma boa almofada de amamentação resolve muito bem a questão e traz um benefício imenso para a mamãe conseguir acomodar bem o bebê na hora de amamentar!


Eu podia desfiar páginas e páginas aqui de dicas para melhorar o quarto do bebê, mas aí provavelmente ninguém ia ter paciência pra ler. Rsrs


Então fica de olho que periodicamente eu vou trazer dicas fresquinhas aqui pra você!


Gostou das dicas? Deixa seu comentário e compartilha este post!


2 visualizações
 

Brooklin - São Paulo

11956969655

3568212/0001-09

©2020 por Dani Bicudo Organizer. Orgulhosamente criado com Wix.com